Este espectáculo esteve para não acontecer. Depois de se conhecerem os resultados dos mais recentes apoios da DGArtes, se não fosse o reforço de verbas que a Câmara Municipal do Porto deu ao Teatro Experimental do Porto (TEP), “Teoria das Três Idades” não teria chegado a cena.

Foi no meio de muita incerteza que Sara Barros Leitão se dedicou a explorar os arquivos do TEP, e a construir este espectáculo. No percurso, teve de fazer várias alterações e algumas cedências, mas o resultado pôde ser visto no Teatro Rivoli e, mais recentemente, no Teatro Nacional D Maria II.

O TEP tem 65 anos de histórias, de memórias, de fantasmas. Sara pega nelas e compõe um espectáculo onde, apesar de abranger tanto tempo, não se dá pelo tempo passar. Usa para isso vários recursos, que vão desde a voz gravada e cheia de humor do antigo guardião do arquivo, passando pelo vídeo, e pela leitura de inúmeras cartas de sócios, tabelas de ensaio, e até ofícios da PIDE. Todos estes elementos são alinhados de forma fluída e muito eficaz.

Este espectáculo é um manifesto a favor do teatro e da memória, de como eles devem ser defendidos e preservados, e mostra como se podem fixar histórias, algumas cómicas, outras tocantes, de forma respeitosa e bela.

Sara Barros Leitão conseguiu dar-nos, em hora e meia, uma fotografia da história do TEP e do muito que, ao longo dos anos, contribuiu para o teatro em Portugal.

Teoria das Três Idades, de Sara Barros Leitão
25-27 janeiro 2019
Teatro Nacional D Maria II

criação Sara Barros Leitão / TEP
com Sara Barros Leitão
cenografia e figurinos Catarina Barros
desenho de luz Cárin Geada
sonoplastia Luís Vieira
assistência à criação Patrícia Gonçalves
apoio à pesquisa Joaquim Portugal
voz gravada José Dias Leitão
operação de luz Renato Marinho
operação de som Pedro Anacleto
fotografia e vídeo Eduardo Breda
fotografia de cena José Caldeira
produção Teatro Experimental do Porto
coprodução Teatro Municipal do Porto

Categorias: Teatro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *